lunes, 14 de mayo de 2018

Sin Título






    Por onde quer que eu passe, vou carregando no peito, o calor do seu abraço. Vou agarrada ao perfume de sua pele e ao brilho intenso que se faz no mundo, quando você sorri... ah, esse seu sorriso que, às vezes, meio tímido, me rende, me embriaga e me faz querer parar o tempo... sim, esse mesmo tempo que, não importa e que já não posso contar nos ponteiros de um relógio... tempo e espaço, tudo isso existe numa outra frequência desde... ah, desde que cruzei esse seu sorriso... E é por isso, que tanto faz por onde eu passo... eu passo com você assim, tão perto... tão comigo... tão dentro do calor do seu abraço...


Mobgrafia e texto: Esperança Pizzolante — en 5th Avenue - New-York City USA.

    Por donde quiera que camine, voy estibando en mi pecho, el calor de tu abrazo. Voy cosida al perfume de tu piel y al brillo intenso que ilumina el mundo. Cuando sonríes ah, esa tu sonrisa que a veces, medio tímida, me vence, me embriaga y me hace querer parar el tiempoSi, ese mismo tiempo que no importa y que ya no puedo contar en las agujas del relojTiempo y espacio, todo eso existe en otra frecuencia desdeah, desde que atravesé tu sonrisay es por eso, que da lo mismo por donde camine camino contigo, así, tan cerca, tan conmigotan dentro del calor de tu abrazo.

Traducción: Elendo.



No hay comentarios:

Publicar un comentario